Subscribe to RSS Feed

domingo, 1 de maio de 2011

Resta 1/3


Dia 28 foi meu aniversário. Estou com 22 e ainda não mudei praticamente nada nos ambientes em que vivo. Bate uma certa angústia. De acordo com estudos científicos, passamos 1/3 da vida dormindo. Se a média do brasileiro é de 73 anos, segundo o IBGE, significa que só tenho, aproximadamente, mais 1/3 da vida para tentar mudar algo.

Posso dizer que a última semana me alegrou muito, pois descobri que muitas pessoas perdem tempo para ler as coisas que escrevo, que edito, ou mesmo, que falo.

Vivo me metendo em debates ou intrigas, mas, acredito que isso faz parte. Quanto mais nos expormos, mais vulneráveis estaremos. Gosto das críticas, gosto das intrigas também. Não acredito muito que o ser humano seja capaz de aprender apenas olhando. Sou muito intenso. Acho que as relações humanas e as argumentações orais é que dão vida a nossa sociedade.

Não sei como surgiram estes interesses. Como citei na introdução do portifólio do meu projeto de monografia, acredito que "os pressupostos para a pesquisa somam-se desde minha entrada na faculdade; talvez antes, desde meu primeiro contato com partidos políticos, no ensino médio; ou ainda, desde que me reconheço por ser humano, não batizado (felizmente), ja que minha mãe deixou, exclusivamente para mim, a decisão de fazer parte, ou não, de algum sistema religioso".

Enfim. Estou em formação.

Durante este final de tarde, lembrei que tenho algumas lembranças guardadas na Internet. Uso, acidentalmente, a tecnologia como diário e agenda, já que não tenho tempo, ou não consigo, organizar meus textos. É interessante reler algumas coisas, rever algumas fotos. Lembrar de algumas pessoas importantes.

No final das contas, nossa vida é um quebra-cabeça incompleto. Só terminamos de juntar as peças quando nos despedimos deste mundo. Até o último minuto de vida, acredito que seja possível mudar algumas coisas, por mais pequenas que sejam. Juntamos fotos, amigos, inimigos, amores, animais de estimação e, no final, nossa contribuição são as dúvidas que deixaremos para a posterioridade.









_______________________________

http://www.fotolog.com.br/ezelg